Publicado em

Minas Gerais registra 585 casos de febre amarela em 2017 até agora

Em 2017, 585 casos de febre amarela foram confirmados no Estado, segundo boletim epidemiológico divulgado nesta segunda (11) pela Secretaria Estadual de Saúde.

Desses, 379 conseguiram foram curados e 206 morreram. São considerados confirmados, os casos que apresentavam exame positivo para febre amarela; exame negativo para dengue; histórico vacinal; sinais e sintomas compatíveis com a definição de caso; e exames complementares que caracterizam disfunção renal/hepática.

Atualmente, a cobertura vacinal acumulada de febre amarela no Estado está em torno de 81% e a meta é alcançar a cobertura de 95%. Ainda há uma estimativa de 3.788.631 não vacinados, principalmente na faixa-etária de 15 a 59 anos, que também foi a mais acometida pela doença.

Primatas

Até o momento, foram registradas ocorrências de epidemia em macacos de 122 municípios de Minas Gerais. Desse, 16 foram confirmados. Outros 17 continuam em investigação.

Em 53 municípios, a epidemia é indeterminada porque não houve coleta de amostra, e 36 tiveram foram descartados para febre amarela.

Leia mais:
Confirmado: macaco encontrado morto no Parque das Mangabeiras estava com febre amarela
Ministro afirma que país está preparado contra febre amarela no verão

Leia mais

Publicado em

Marcola e outras 12 lideranças do PCC deixam prisão de rigor máximo

O detento Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola, considerado o chefe principal da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) deixou nesta segunda-feira, 11, o Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) do Centro de Readaptação Penitenciária de Presidente Bernardes, no interior de São Paulo. Ele e outros 12 presos ligados à facção foram levados de volta à Penitenciária Maurício Henrique Guimarães Pereira, a P2, em Presidente Venceslau, na mesma região.
De acordo com a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), a transferência ocorreu em razão do decurso do prazo máximo de 360 dias em que os presos podem ficar em regime disciplinar especial, conforme a legislação brasileira.
O RDD é o regime mais rigoroso do sistema prisional brasileiro. Marcola e os outros presos foram transferidos para o "castigo" após as investigações realizadas pelo Ministério Público Estadual e Polícia Civil no âmbito da Operação Ethos, que apurou um esquema de envolvimento criminoso entre advogados e integrantes da facção. Na ocasião, ao menos 30 advogados foram presos.
No regime diferenciado, os presos ficam em celas individuais, sem acesso a qualquer meio de comunicação e sem direito a visita íntima. Eles não têm contato entre si, nem com visitantes. O banho de sol é restrito a duas horas por dia.
De acordo com a SAP, a transferência foi realizada sem incidentes. A P2 de Presidente Venceslau é unidade de segurança máxima e está com 813 presos, abaixo da capacidade de 1.280 detentos.
Biroska
No último dia 5, o traficante de drogas Edilson Borges Nogueira, o Biroska, foi assassinado a golpes de estilete na P2. Ele havia sido um dos líderes e financiadores do PCC, tendo chegado à cúpula da organização criminosa. Dois outros presos foram acusados pelo crime.
O assassinato aconteceu em meio à revelação feita pelo procurador de Justiça Márcio Sérgio Christino de que Marcola teria sido informante da polícia, entregando antigos líderes da facção para assumir o poder.

Leia mais

Publicado em

Goleiro sub-17 renova

O Cruzeiro não quer dar “mole para o azar” e por isso valorizou uma de suas maiores revelações nos últimos anos. Nesta segunda-feira (11), a diretoria do clube estrelado renovou o contrato do goleiro Gabriel Brazão, que integra o plantel sub-20 da Raposa. O novo vínculo do goleiro agora se estende até 2021.

Gabriel Brazão foi eleito em outubro deste ano o melhor goleiro da Copa do Mundo sub-17, disputada na Índia. Titular da Seleção Brasileira, recebeu o troféu “Luva de Ouro” por suas atuações de destaque.

Brazão levou apenas cinco gols em sete jogos e foi o goleiro menos vazado da competição. O goleiro do Brasil ainda liderou o ranking de defesas no torneio atingindo o número de 29 intervenções. O aproveitamento de Brazão ficou próximo dos 90%.

Leia mais

Publicado em

Equipes do interior de olho no Mineiro

Férias para uns, trabalho pesado para outros. É desta maneira que o futebol mineiro caminha neste resto de temporada. Enquanto América, Atlético e Cruzeiro param até o início de janeiro, oito clubes do interior, que disputam o Módulo I do Mineiro, já respiram o novo ano que se aproxima e se preparam para disputar o Estadual. A exceção é o Boa Esporte, que, assim como os grandes da capital, descansa após a participação na Série B do Campeonato Brasileiro.

Com 26 jogadores e trabalhando desde o último dia 27, a Patrocinense tem como destaque o meio-campista Diego Borges, capitão da URT na última edição do Mineiro. O goleiro Neguete, vice-campeão com a Caldense, em 2015, é outro que vestirá a camisa do time mais tradicional de Patrocínio.

Já o Democrata, de Governador Valadares, escolheu um hotel fazenda na pequena Itabirinha para iniciar os trabalhos. A Pantera, comandada pelo técnico Gilmar Estevam, treina desde 25 de novembro e conta com 35 jogadores no elenco.
REPETECO
Bicampeã do interior, a URT manteve a tônica da troca de semestres neste ano e sofreu grandes modificações no grupo. Para se ter ideia, apenas dois jogadores foram mantidos para o ano que vem.

Passando por sérios problemas internos (brigas políticas e salários atrasados) o Villa Nova também já iniciou os trabalhos no Alçapão do Bonfim. A preparação no Leão teve início há uma semana. Ao todo, o alvirrubro tem 30 atletas, sendo nove do sub-20.

Com seis jogadores remanescentes, o Tombense tem dois amistosos marcados para os próximos dias. Dia 14, a equipe encara o Goytacaz, em Campos, interior do Rio de Janeiro. Dia 22, o time recebe a Desportiva, do Espírito Santo, em Tombos. O Gavião Carcará tem 25 atletas.

O Tupi trabalha para fazer um 2018 melhor do que foi a atual temporada. Sob o comando do experiente Alexandre Barroso, o Galo Carijó apresentou na última semana parte do elenco para o Mineiro e também na Série C do Brasileirão. Nomes como os do lateral-direito Rodrigo Dias, ex-Atlético, do atacante Reis, ex-Cruzeiro, e do zagueiro Arthur Sanches, ex-Flamengo, são destaques.

Classificar para a segunda fase é a ordem no Uberlândia em 2018. Sexto colocado na edição deste ano, o Periquito do Triângulo Mineiro busca reforços de qualidade para fazer bonito no Estadual. No ataque, o atacante Ricardinho, que disputou a Série B do Brasileirão pelo Londrina, foi anunciado.

Vice-campeã mineira de 2015, a Caldense comemora a melhor posição do clube no ranking da CBF, a 74ª posição. “Tudo isso nos motiva a querer crescer ainda mais”, comenta o vice-presidente Rovilson Ribeiro.

Leia mais

Publicado em

Na estrada ou no ar, movimente-se!

Para muitos, o período de férias já começou. Para outros, os dias de descanso estão por vir e, com eles, as esperadas viagens. Aqueles que têm nos planos passar longos períodos em carros, ônibus ou aviões devem ficar atentos aos riscos de permanecerem sentados e em uma mesma posição.

Nesse cenário, um problema que pode surgir é a Trombose Venosa Profunda (TVP). Causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia a circulação, a doença tem como fator desencadeante o espessamento do sangue, que amplia a possibilidade de entupimento de veias e artérias.

Com as pernas para baixo e estáticas, posição comum nas viagens, a circulação venosa é prejudicada, uma desvantagem diante da TVP que, em 90% dos casos, ocorre nos membros inferiores.

Conforme Carlos Eduardo Jorge, diretor da AngioGold Angiologia Estética e membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, a panturrilha – conhecida como batata da perna – bombeia o sangue até os pés e ele retorna pelas veias que ficam na perna.

“No entanto, o problema não se restringe às pernas. O sangue que engrossa lá pode bloquear a circulação no pulmão, por exemplo, o que causa uma embolia”, explica o angiologista.

DICAS
Dentre os principais sintomas da trombose estão dores nas panturrilhas, inchaço nas pernas (se há diferença entre uma e outra), vermelhidão e febre no local. Segundo o especialista, estes são sinais que necessitam atenção, já que a trombose é uma doença silenciosa e a embolia pulmonar pode ser fatal.

Para quem vai viajar de avião nesse período de férias ou em qualquer momento que exija um tempo maior dentro da aeronave, Carlos Eduardo Jorge afirma que cuidados devem ser tomados.

“Eles começam antes do embarque. Procure usar uma meia de compressão, utilize roupas mais largas e calçados confortáveis”, diz o angiologista.

Movimentar as pernas ao longo do trajeto também é fundamental para ativar a circulação sanguínea e prevenir a formação de coágulos.

“Se estiver no avião, levante-se e ande um pouco, mesmo que não precise ir ao banheiro. No ônibus, tente descer em todas as paradas”, orienta o médico.

Beber bastante água, evitar o consumo de álcool durante a viagem e de calmantes são outras dicas importantes destacadas pelo especialista, que lembra aos tabagistas suspenderem o fumo durante a locomoção.

Devem procurar um médico aqueles pacientes com fatores de risco para trombose. São eles: obesidade, uso de anticoncepcionais, sedentarismo, idade acima de 40 anos, gestação, dentre outros.

O principal sintoma da trombose é inchaço na perna, principalmente se uma fica maior que a outra, além do aumento da temperatura, vermelhidão e dores na panturrilha

Leia mais

Publicado em

Estudante se forma com TCC sobre a Gretchen

Gretchen já inspirou muitos memes, mas recentemente ela também inspirou o tema de um TCC. Roberto Santos comemorou a aprovação de seu trabalho com o tema Gretchen, "A Rainha da Internet" – A construção das divas midiáticas.
"Um trabalho como TCC costuma ser bem 'sugante', e esse também foi, claro, porém tinha uma leveza. Foi um trabalho alegre e bem dinâmico", contou Roberto à reportagem. Ele estuda publicidade e propaganda na Faculdades Dom Bosco, em Resende, no Rio de Janeiro.

O estudante disse que fez uma abordagem histórica da internet e das redes sociais, até chegar ao conceito de "diva" e à figura da Gretchen, que teria se beneficiado de sua exposição na internet através de memes e gifs.
"A Gretchen se reinventou com o seu sucesso nas redes sociais. Afinal, ela está aproveitando essa oportunidade de mostrar suas músicas aos jovens que não a conheciam", disse Roberto.

A banca avaliadora elogiou a forma como ele estruturou seu trabalho. "Eles falaram que seguia um raciocínio, que tinha toda uma construção até chegar na 'protagonista'. Eles também disseram que é um trabalho que traduz muito bem nossa realidade atual".
A cantora ficou feliz com o tema e curtiu todas as publicações do jovem no Twitter. Além disso, tendo passado a apresentação, ela compartilhou a imagem de uma notícia sobre o caso em seu Instagram e escreveu: "Que lindoooo. Morrendo de orgulho dos meus filhotchens. Parabéns!"

Que lindoooo. Morrendo de orgulho dos meus filhotchens. Parabéns!!!!????

Uma publicação compartilhada por Gretchenoficial (@mariagretchen) em Dez 6, 2017 às 5:09 PST

Apesar de todo o sucesso, Roberto falou que recebeu muitas críticas na internet e que foi preciso se afastar das redes sociais até que a apresentação do trabalho tivesse passado.
"Dois dias antes evitei ao máximo as redes sociais, pois muita gente vinha com comentários de ódio e preconceito sobre o tema sem ao menos conhecer. Tentei responder alguns até, mas deixei pra lá e foquei no meu trabalho".
Apesar disso, muitas pessoas lhe defenderam e ele contou que não se importou. "O que importa é que eu fui muito feliz realizando esse TCC

Leia mais:
Beyoncé surpreende ao ir em evento com cabelo natural
Anitta ataca salgadinhos em premiação e fãs se identificam
'A Forma da Água', Guillermo Del Toro, lidera indicações ao Globo de Ouro 2018

Leia mais